Após 1 ano do sucesso de “Sulicídio” e depois de um trabalho extenso, Baco Exu do Blues finalmente lançou seu aguardado primeiro álbum. A produção musical do disco ficou a cargo de ‘TAS’, no ‘Cremenow Studio’ e a criação dos beats por ‘Nansy Silvvz’, exceto a faixa Intro, que tem a base feita por ‘Scooby Mauricio’ e scratches de ‘KL Jay’ (Racionais MC’s).

O resultado dessa junção é apresentado em 10 faixas que proporcionam uma viagem sinestésica, passando pelas ladeiras de Olinda, com o batuque do Maracatu, pelo Carnaval de rua com o choro da guitarra baiana, até as nossas matrizes africanas, com cânticos em Iorubá e batuques dos atabaques do candomblé.

“Esú” traz a história de um personagem em transição, que passa por diversas provações, da depressão ao gozo. Autoestima, individualidade, onipotência, luxúria, sincretismo e empoderamento negro, são temas recorrentes no álbum. “Metade homem, metade Deus e os dois sentem medo de mim”, cita Baco na faixa que leva o título da obra, mostrando o encontro da fragilidade divina e a força humana.

FAIXAS

1 – Intro (Part. DJ KL Jay)
2 – Abre Caminhos
3 – Oração à Vitória
4 – En Tu Mira (Interlúdio ESÚ)
5 – Esú
6 – apitães de Areia
7 – Senhor do Bonfim
8 – A Pele Que Habito
9 – Te Amo Disgraça
10 – Imortais e Fatias

Com informações Rap Mais

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here